Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
14





                                              

                            

 

 

 


Bailarino de 60
Bailarino de 60

Bailarino de 60

por Cláudia de Villar

www.claudiadevillar.com.br

 

Depois da ‘Pelada dos 40 e da maminha dos 50’, eis que hoje é o dia dos 60!

Bailes da terceira idade meio que se tornou uma “febre” em algumas cidades, e não era de se admirar que Geraldino resolvesse participar do baile também. Afinal, sessenta anos, com os filhos já criados e sem nenhum neto para “alegrar” ou “atrapalhar” a sua aposentadoria, ele resolveu aproveitar a vida e dançar era uma boa pedida.

Lá foi ele... O Seu Geraldino a bailar pelos salões da cidade.

Mas eu ainda não contei para vocês que Geraldino não tinha uma parceira fixa. E esse também era um dos ‘bons’ motivos para sair a saracortear o esqueleto nas pistas da terceira idade. Além de fazer exercícios físicos – recomendado pelos médicos – ele poderia arranjar uma parceira para os bailes e para os dias frios aqui no Sul.

Geraldino estava feliz e convencido de que a sua nova aventura iria dar muito certo. Seria unir o útil ao agradável. Seria... Mas não foi bem isso que aconteceu com o Seu Geraldino. Todas as terças-feiras era o dia D...  De tomar as devidas providências para ir ao tal baile. Geraldino tinha que realizar algumas tarefas imprescindíveis antes de sair de casa. Nada muito esquisito, nada muito difícil, mas também nada muito...

Bem, vamos aos fatos:

Já pela manhã das terças-feiras, Geraldino tinha que começar uma dieta especial para entrar no terninho de tergal. Sim, bailarino que se preza deve ir com um terninho, cuidadosamente, passado. Uma camisa branca, lindamente engomada, sapatos forrados para não doer os pés e engraxados. Um lustre só. Ah... A dieta deve proporcionar um rápido emagrecimento da barriga e uma sensação de bem-estar. O almoço deve ser regado com alimentos que não provocassem... Sensações ruins e perigosas no momento em que ele estivesse bailando pelo salão. Imaginem só ele fazendo um movimento brusco e tendo problemas gástricos. Não! Isso deveria ser evitado com uma alimentação balanceada.  Além dos cuidados com a alimentação, Geraldino deveria ‘tirar uma sesta’ após o almoço. Vejam, isso é fundamental para que Geraldino estivesse bem à noite e pudesse acompanhar as suas parceiras... A quantidade dependia da dança do bailarino de 60. Ah... A conversa também era muito importante. Bailarino de 60 que se preza deve passar o dia lendo revistas, jornais, livros e tudo que possa ajudá-lo em sua conquista. Geraldino defende a ideia de que mulher gosta de homem LETRADO. Então... Vamos ler! Ah... Não podemos esquecer que um bailarino de 60 deve saber passos de dança, para tal, Seu Geraldino andou assistindo a Dança dos Momosos. Um verdadeiro bailarino deve impressionar a dama. Mulher gosta de homem que saiba dançar. E para que a noite de ... Opa! A tarde de terça-feira (porque baile da terceira idade é à tardinha, antes da sopa das 19h) se torne perfeita (o propósito é arrumar uma parceira fixa e fixar tudo naquele mesmo dia), o bailarino de 60 deve tomar todos os remédios condizentes com a sua terceira idade. Quais são os remédios para um bailarino de terceira idade?

Vamos para a lista:

Antiulcerosos, antidiarreicos, Enalapril, Captopril, antitérmicos, laxantes, Amoxicilina, suplementação de ácido fólico, vitamina B12, ferro, remédio para a memória, precisa tentar evitar o Alzheimer, medicação para tireoide, desidratação, palpitação, remédio para os ossos, artrite, artrose, antiflamatórios, analgésicos e alguns mais. Além é claro, de muito leite. Vamos evitar a osteoporose!

Pronto! Geraldino está medicado, banhado, perfumado, arrumado, penteado e lá se vai ele para o baile da terceira idade. Iupi!!! Geraldino, o bailarino de 60, vai à caça de uma bailarina de vinte!

Sim, pois quase todos os bailarinos dessa idade adoram mulher mais nova. Necessidade de autoafirmação masculina e “bailística”.

E ele consegue uma bailarina de vinte no baile da terceira idade.

Como? Baile de terceira idade não é destinado para pessoas da terceira idade? E vinte anos é terceira idade? Não, claro que não. Mas a moça do caixa se encantou pelos passos e pelos rodopios do bailarino de 60.

Enfim, uma parceira fixa. Agora faltava, para fechar a tardinha, fixar algo mais.

Porém, a bailarina de 20 queria bailar com o Seu Geraldino antes de irem para a fixação!!! Mas, a bailarina de 20 pediu para dançarem uma dança mais apropriada para a sua idade e Seu Geraldino, que queria partir logo para a fixação, aceitou o pedido da de 20.

Eis a música:

“Piri, pipire, pipire, pire piradinha
Ela tá maluca, ela tá doidinha . Piri, pipire, pipire, pire piradinha
Ela tá doidona, fora da casinha Ela não anda, ela desfila. Quando chega na festa
Arrasa na pista. A galera olha, todo mundo quer pegar, mas ela tá de boa... Só querendo dançar(...)”

E, dessa forma, Seu Geraldino pirou! Quem consegue ou tem vontade de fixar alguma coisa com uma garota de 20 piradinha?! Além disso, ele não havia tomado o remédio para pirar, também! Ah... Deixa prá lá... Na próxima terça-feira ele terá uma nova chance de recomeçar tudo novamente...