Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
5





                                              

                            

 

 

 


Diversidade Cultural por Cristiane Vilarinho
Diversidade Cultural por Cristiane Vilarinho

Diversidade Cultural. 

Por Cristiane Vilarinho

 

Essa é uma dúvida comum vivida por muitos professores.

O Brasil, por apresentar essa enorme dimensão territorial, possui essa ampla diversidade cultural. Os colonizadores europeus, indígena e escravos foram os primeiros responsáveis pela disseminação cultural no Brasil.

O multiculturalismo é um tema muito atual e a sociedade brasileira vem vivenciando uma nova consciência das diferentes culturas presente em nossa democracia, que persiste, tanto na sociedade, como no contexto escolar. O professor tem um papel muito importante nessa atividade, o de desempenhar neste aspecto cultural, a formação no processo educativo, auxiliando ou criando obstáculos ao desenvolvimento de cognição de seus alunos. Por essa questão, a diversidade talvez represente para nós, professores, um grande problema, se não somos capazes de enfrentar os mesmos objetivos. É preciso buscar novos caminhos e incorporar positivamente a diversidade cultural no cotidiano escolar.

Este são os desafios que se colocam entre professores. Mas é importante lembrar que o professor também é membro do grupo, e entre ele e os alunos há diferenças de valores.

A intenção é refletir sobre o problema da diversidade nas escolas, ele o “professor”, também é um sujeito sociocultural e precisa estar atento para esse rico encontro entre essas tantas diferenças e as consequências de interação de todas as culturas.  Dessas estratégias podem ser utilizadas relações às suas práticas educativas e remediar certas dificuldades que possam surgir. Facilitando a integração de alunos de diversas origens culturais.

No entanto, neste contexto, é preciso buscar caminhos de incorporar positivamente, não podemos fechar os olhos para essas demonstrações mais ou menos conflituosas e pela dinâmica do grupo no dia a dia de aulas. Será difícil agir como se não tivéssemos nenhuma responsabilidade frente a esses conflitos, preconceitos, discriminações e atos de intolerância cometidos por nossos alunos. E mesmo assim, continuar acreditando que para os professores que contribuem para a formação de cidadãos dentro de nossa sociedade.

Para o professor, uma das facetas da diversidade presente em sala de aula é percebida pelas dinâmicas fixada entre as crianças, por suas relações mais ou menos conflituosas e pela dinâmica do grupo no dia a dia das aulas.

Um conhecimento aprofundado da escola e do meio em que esta se insere, deve ser dos primeiros passos para garantir uma boa educação multicultural, onde a informação relativa aos alunos dessa escola possa ser utilizada. Dessa forma, a relação entre diversidade cultural e cotidiano escolar constitui, portanto, um tema de grande importância para a construção de uma escola verdadeiramente democrática, colocando desafios para o professor repensar sua prática pedagógica.